sobre

“Não vemos mais a vida como nossos pais. Hoje, é tudo mais dinâmico, mais interligado, mais conectado e mais livre. Permanecemos jovens por mais tempo. A barreira não é mais um número. É o espírito quem manda agora. E disso vem a liberdade para tomar o caminho que mais nos identifique, que mais n